pt
Evento
CICLO DE SEMINÁRIOS “ABRIR CAMINHOS”
Do Black Lives Matter à Sala de Aula: o ensino da história contestada de raça e racismo
2023-03-08, 16:00
Centro de Estudos Sociais
Marta Araújo, José Manuel Mendes

A reverberação dos protestos globais de denúncia do racismo em 2020 a nível dos discursos políticos e institucionais europeus veio colocar em evidência a necessidade de não só se reconsiderar o ensino da história colonial em diferentes contextos, como a de reconhecer a dificuldade em reverter o silêncio sobre o racismo na Europa. Esta comunicação tem como primeiro objectivo mapear e analisar as mais recentes directrizes políticas e iniciativas institucionais sobre raça e racismo no campo da educação histórica, ao nível das mais relevantes organizações europeias. A partir de investigação sobre o ensino da história em Portugal, serão examinados de seguida os diversos quadros conceptuais mobilizados para abordar raça e racismo nos manuais escolares do 3º Ciclo do Ensino Básico mais recentes. Estes serão discutidos em relação ao contexto sociopolítico mais amplo no qual têm ocorrido os debates públicos sobre história e memória (pós-)colonial, a identidade nacional e o racismo contemporâneo.

Comentário: José Manuel Mendes

Marta Araújo | Investigadora Principal do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra (CES). O seu trabalho de investigação tem abordado duas linhas complementares: i) políticas públicas, discurso político e igualdade étnico-racial; ii) história pública e educação formal, focando nas narrativas sobre o (anti-)colonialismo e a escravização. Marta Araújo é Vice-Presidente do Conselho Científico do CES, co-coordenadora do Programa de Doutoramento 'Democracia no Século XXI' (CES/FEUC), e docente a nível doutoral. Recentemente, foi Investigadora Visitante do Centre for Research on Ethnic Relations and Nationalism (CEREN) da Universidade de Helsínquia. Integra actualmente o Conselho Editorial de publicações sobre sociologia, 'raça' e educação no Brasil, Estados Unidos, Grã-Bretanha e Portugal e tem publicado internacionalmente em revistas de elevada reputação (ex. British Journal of Sociology of Education, Ethnic and Racial Studies, Patterns of Prejudice e 'Race', Ethnicity e Education). Marta Araújo tem actuado como consultora académica sobre discriminação e igualdade étnico-racial e participado em reuniões de especialistas a nível nacional e internacional. Tem ainda estado activamente envolvida em actividades de extensão.

O Ciclo de Seminários “Abrir Caminhos” é uma iniciativa organizada pelo Grupo de Trabalho das “Epistemologias do Sul”. As Epistemologias do Sul (ES) referem-se à produção e validação de conhecimentos ancorados nas experiências de resistência dos grupos sociais que têm sido sistematicamente vítimas da injustiça, opressão e destruição causadas pelo capitalismo, pelo colonialismo e pelo heteropatriarcado. No âmbito do ciclo de Seminários “Abrir Caminhos” para 2023 o GT das ES propõe-se a desenvolver diálogos temáticos com investigadores/as convidados/as cujo trabalho suscite aprendizagens mútuas e um alargamento pensamento alternativo de alternativas.

Organização: Maria Paula Meneses, Bruno Sena Martins e Cristiano Gianolla.

>SABER MAIS